Direitos

Reajuste salarial entra em vigor em 1º de março: fique atento

Atualizada em 18/02/2009 14:31

As convenções coletivas dos professores da Educação Básica e do Ensino Superior, assinadas no início de 2008 com validade de dois anos, determinam que as escolas devem reajustar os salários dos professores, no próximo dia 1º de março. As previsões do SINPRO-SP indicam que o percentual deve ficar entre 7% e 7,5%.

Nos dois segmentos, além da média dos índices do IBGE, da FIPE e do DIEESE (que deve chegar a 6,5%) os acordos estipulam 1,2% de aumento real. Na Educação Básica, o aumento real pode ser de 2%, caso a escola não tenha pago a participação nos resultados.

Os professores devem fiscalizar rigorosamente o cumprimento da convenção coletiva em vigor já que as escolas particulares são um setor imune a todos os efeitos da crise econômica: não só aumentaram suas mensalidades – como fazem todos os anos – em percentuais bem acima da inflação como também mantiveram sua freguesia estável e com a inadimplência em queda.