Campanha salarial

Campanha Salarial é retomada. Negociações começam dia 03

Atualizada em 29/01/2020 23:49

A Campanha Salarial 2020 foi retomada nesta terça-feira, 28, com um encontro que reuniu sindicatos de professores e de auxiliares de administração escolar de  diferentes cidades no Estado. O Conselho de Entidades Sindicais foi convocado pela Federação dos Professores (Fepesp), responsável pela coordenação da Campanha. 

Na reunião, os sindicatos debateram a conjuntura na qual a Campanha será realizada, discutiram os principais pontos da pauta unificada e o dissídio da educação básica, definiram os nomes que irão compor as comissões de negociação e aprovaram um calendário inicial de atividades. 

Duas rodadas de negociação devem acontecer na próxima semana: na segunda-feira, dia 03, está marcada a primeira reunião com o Semesp, sindicato patronal do ensino superior. No dia 04, os sindicatos iniciam as negociações com o Sesi e o Senai. A Fepesp deve ainda encaminhar um ofício para o Sieeesp para marcar uma reunião.

Nessas primeiras rodadas serão entregues para as entidades patronais as pautas de reivindicações, unificadas a partir das assembleias realizadas no final de 2019 em todos os sindicatos. No SinproSP, a assembleia realizou-se dia 30 de novembro.

Na educação básica, julgamento do dissídio ainda é prioridade

Para as professoras e os professores da educação básica, 2019 ainda não acabou e sua conclusão depende do julgamento do dissídio coletivo, ainda sem data marcada. E as negociações de 2020 dependem do que vier a ser decidido pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT). A chave para 2020 ainda está no ano de 2019.