Campanha salarial

Professores do Sesi e do Senai aprovam proposta para acordo coletivo 2007

Atualizada em 24/03/2007 11:48

Os professores do Sesi e do Senai reunidos em assembléia no dia 24/03 aprovaram os respectivos acordos coletivos de trabalho 2007, que prevêem 4% de reajuste salarial a partir de 1º de março.

Os acordos garantem também aumento no vale-alimentação de 4%, a garantia de gratuidade de taxas escolares e mensalidades para os filhos dos professores, o períodos de férias e recesso, conforme aprovado pelos professores na assembléia anterior, além da manutenção das demais garantias históricas da categoria.

Os acordos devem ser assinados nos próximos dias.

Sesi
No caso específico do Sesi, o acordo garantirá mais 2% de reajuste nos salários a partir de 1º de abril para os professores da educação infantil e ensino fundamental, como parte do plano de recomposição salarial, totalizando 6,08% de aumento.

O período de recesso dos professores do Sesi será de 13 a 29 de julho de 2007 (17 dias) e 22 de dezembro a 3 de janeiro (13 dias). O período de férias de será de 4 de janeiro a 2 de fevereiro de 2008.

Ainda neste segmento, há ajustes de redação em algumas cláusulas e a inclusão do “vale-refeição” para os docentes que cumprirem jornada de trabalho igual ao superior a sete horas em cinco dias da semana, em substituição ao vale-alimentação, e regulamentação do trabalho dos instrutores de informática educacional.

Senai
O período de recesso dos professores do Senai será de 22 de junho a 1º de julho de (10 dias) e de 17 a 22 de julho (6 dias); os professores e técnicos de ensino terão o seguinte período: de 22 de dezembro a 1º de janeiro de 2008 (11 dias) e, de 17 a 20 de janeiro de 2008 (4 dias). Já o período de férias definido é de 2 a 16 de julho e de 2 a 16 de janeiro de 2008.

Também no acordo do Senai há ajustes na redação de algumas cláusulas e a inclusão do “vale-refeição” para aqueles que cumprirem jornada de trabalho diária igual ao superior a sete horas.