Geral

Campanha condena a privatização e desnacionalização do ensino

Atualizada em 20/04/2007 14:49

"Educação não é mercadoria". Esse é o mote da campanha que a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (CONTEE), entidade que reúne os SINPROs de todo o país, acaba de lançar contra a privatização e desnacionalização do ensino no Brasil.

O objetivo é alertar que o setor privado de educação tem colocado os interesses mercantilistas à frente dos educacionais, considerando alunos como clientes e professores e funcionários como empregados a serviço do lucro. A campanha quer chamar atenção da sociedade para o problema e cobrar do governo controle e regulamentação do ensino privado.

A participação dos professores nessa campanha é fundamental. Cartazes de divulgação do movimento estão disponíveis no Sindicato. Os interessados devem solicitar o material pelo e-mail imprensa@sinprosp.org.br.

O vídeo da campanha já está disponível no YouTube e pode ser repassada por e-mail. Basta copiar o endereço: http://www.youtube.com/watch?v=KIjyn3x7ADk



Para fazer download das imagens, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem desejada e escolha a opção "Salvar Destino Como..."