Ensino superior

Comissão intersindical vai discutir EAD e plano de carreira no ensino superior

Atualizada em 29/06/2007 10:50

Foi criada na última terça-feira, 26/06, durante o I Seminário Intersindical, a Comissão de Aprimoramento das Relações de Trabalho, composição paritária que reunirá sindicatos de professores, auxiliares e representantes das mantenedoras de ensino superior com objetivo de discutir e propor alternativas de regulamentação do trabalho nas instituições em todo o estado de São Paulo.

Prevista na convenção coletiva de trabalho assinada este ano, a Comissão vai discutir as atribuições da atividade docente, as mudanças que vem sendo trazidas com a implementação da educação a distância e discutir também uma proposta básica de plano de carreira. Na avaliação dos sindicatos de professores, tornou-se urgente coibir a tendência de desregulamentação das relações de trabalho no ensino superior privado.

A expansão acelerada, as novas tecnologias e a reestruturação pedagógico-administrativa nas instituições têm provocado mudanças no trabalho docente e, por isso, é preciso discutir com os mantenedores esse cenário e formas de regulamentar as novas atribuições do ofício do professor.

Cada assunto será analisado por uma subcomissão especializada. As discussões serão depois sistematizadas pela Comissão cujos trabalhos deverão se estender por todo o segundo semestre para que os resultados possam subsidiar a próxima campanha salarial dos professores.

Com informações da FEPESP