Ensino superior

Professores da São Marcos continuam em greve

Atualizada em 13/01/2009 10:59

Em proposta anterior, a São Marcos havia se comprometido a centralizar o departamento de recursos humanos para gerar uma única folha de pagamento. Dessa forma, segundo eles, haveria uma mudança brusca na postura administrativa, pondo fim aos pagamentos parciais por unidade. Pois, foi com surpresa que os professores da unidade Tatuapé receberam nesta segunda-feira, por e-mail, a seguinte mensagem: “Informamos que o pagamento referente as (sic) aulas ministrada (sic) no Tatuapé dos (sic) mês de dezembro será depositado entre os dias 13 e 14 de janeiro”.

Se o RH seria centralizado, como uma unidade continua a gerenciar o pagamento? A Comissão de Professores, indignada, cobrou, durante reunião realizada nesta segunda-feira, uma postura mais séria dos mantenedores para por fim às irregularidades. Os representantes da universidade pediram uma semana para resolver internamente problemas familiares.

O fato foi informado aos presentes à assembleia também realizada ontem. Os professores continuam em greve. Nova assembleia está marcada para o dia 19/1, às 19 horas, no campus Santa Paulina.

Até então, espera-se que no dia 16/1 a universidade pague um mês de salário, pois na proposta feita pelos mantenedores anteriormente, rejeitada pela assembleia, haveria dinheiro disponível para o pagamento nessa data.